Tratamento Usuário de Drogas de São Paulo

O que é a dependência química?

A dependência química, distinguida como patologia pela OMS, baseia-se nas sequelas físicas e mentais causadas pelo abuso de substâncias nocivas para o organismo. Podem ser legais, como o álcool e a nicotina, ou ilegais, como a maconha, a cocaína ou o crack, por exemplo.

Muitas pessoas acreditam que a patologia não é mais do que um mero vício ou falta de carácter, o que não é verdade. A dependência química, além de ser uma patologia, é também caracterizada como uma espécie de perturbação da mente. Isto deve-se ao facto de que o consumo excessivo e descontrolado de drogas acaba por alterar a percepção do toxicodependente químico, que normalmente desconhece a sua situação.

Causas de dependência química

Não há uma causa única que leve uma pessoa a tornar-se quimicamente dependente. Algumas pessoas já estão predispostas para a desordem, enquanto outras são susceptíveis de se tornarem dependentes depois de apenas algumas utilizações de uma substância. A dependência química é normalmente uma mistura de vários componentes.

Esforços para lidar com frustrações e inconvenientes, bem como traumas de infância, sinais de depressão, tristeza infundada, ansiedade ou outros sentimentos são alguns deles. As influências sociais, tais como um ambiente negativo dentro ou fora de casa, também têm o potencial de promover ou facilitar a utilização de substâncias.

Mesmo as propriedades hereditárias, as transmitidas de pai para filho, têm o potencial de influenciar o desenvolvimento da dependência química. A genética trata da forma como um organismo metaboliza a utilização de uma determinada substância e o potencial desta substância para causar dependência no futuro.

Tais componentes têm o potencial de estar direta ou indiretamente envolvidos na prevalência da dependência.

Qual é a melhor maneira de lidar com um Usuário de Drogas?

É interessante notar que a dependência química não é um desejo de consumir uma determinada substância, mas uma impossibilidade de não a consumir. Vê como é diferente? É por isso que os familiares, amigos e peritos têm de considerar isto não como um esgotamento do assunto, mas como uma patologia.

Portanto, o primeiro passo no tratamento de um dependente químico, independentemente da droga utilizada, é compreender que é bastante difícil tratar a dependência e que estamos muitas vezes a falar de uma luta vitalícia para o indivíduo.

É também um mito comum afirmar que uma pessoa se pode libertar da dependência por si própria. Embora não seja impossível, é um enorme desafio, porque não se trata apenas de uma questão de força de vontade, mas também de efeitos químicos feitos pelo corpo. A propósito, bastantes pessoas, pensando que têm a possibilidade de ter sucesso nesta luta sozinhas, acabam por piorar o caso.

Por estas razões, ter ajuda profissional especializada é a melhor e mais segura alternativa. Uma equipa fiável, multidisciplinar e qualificada pode trabalhar em conjunto com o toxicodependente, resolvendo problemas físicos, psicológicos e emocionais.

Qual é o papel dos familiares e da rede de apoio no sucesso do tratamento de um Dependente em Drogas?

Muitas famílias, por infelicidade, abordam o problema da dependência química com desdém, percebendo a gravidade do problema apenas depois de ser demasiado tarde. Em muitos casos, a primeira atitude dos familiares e amigos é lutar e retirar-se, considerando a pessoa dependente como uma pessoa fraca que não quer desistir do vício.

Contudo, como temos observado até agora, uma vez que uma pessoa atinge o ponto de dependência química, deixa de estar sob controle e já não escolhe se quer ou não utilizar a substância. Neste ponto, a ajuda e empatia dos indivíduos mais próximos é importante, assim como a procura de ajuda profissional.

Vale a pena lembrar que, em muitos casos, o viciado pode negar a sua condição e até recusar qualquer tipo de procedimento. Mais uma vez, peritos formados saberão como agir e contribuir para estas pessoas e suas famílias, tratando cada caso da melhor maneira, de acordo com cada realidade.

Portanto, se a sua família for confrontada com um problema de dependência química, procure uma equipa de confiança para os ajudar. Um médico ou um psicólogo de confiança, por exemplo, tem a possibilidade de o guiar numa primeira conversa, indicando os primeiros passos.

Nosso site Oficial: https://sp.clinicasrecuperacao.com

--

--

--

Clínica de Recuperação para Dependente Químico e Alcoólatra. Internação Involuntária e Tratamento com Ibogaína. https://clinicasrecuperacao.com

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Clínicas Recuperação

Clínicas Recuperação

Clínica de Recuperação para Dependente Químico e Alcoólatra. Internação Involuntária e Tratamento com Ibogaína. https://clinicasrecuperacao.com

More from Medium

Bitcoin vs. Ripple: What’s the Difference?

Integrated Marketing Toronto | Daily Update — April 6, 2022

MindBlowing Updates From Flexi Funnels

Cool Story — The International Rescue Committee Comes to the Aid of Those in Crisis